Meu Carrinho

Fechar

Vinhos Licorosos

Você provavelmente já deve ter ouvido falar sobre os vinhos licorosos. Eles são os rótulos que possuem teor alcoólico de 14% a 18% em volume, segundo a legislação brasileira. Esse maior volume alcoólico pode ser natural ou adquirido, com a adição de álcool vínico. 

Durante a sua elaboração, pode-se usar também álcool etílico de origem agrícola, mosto concentrado, caramelo, mistela simples, açúcar e caramelo de uva. Muitos dos vinhos fortificados apresentam paladar mais adocicado, com alta concentração de açúcar, porém, também existem vinhos fortificados secos. 

Mas quais vinhos são fortificados?

Os vinhos classificados como fortificados são o vinho do Porto, elaborados na região do Douro, em Portugal e, os Late Harvest.

Vinhos do Porto

Intenso, potente e marcante, o vinho do Porto é do tipo fortificado e é elaborado especificamente na Região Demarcada do Douro. Existem dois estilos de vinho do Porto: o Ruby e o Tawny.       

Vinhos Late Harvest

Os rótulos classificados como Late Harvest são elaborados com uvas colhidas tardiamente, como o nome em inglês deixa claro. Como ela são colhidas depois do tempo, perdem bastante líquido e concentram o açúcar. Daí a maior percepção de doçura no paladar. 

E os “vinhos de sobremesa”?

Os chamados "vinhos de sobremesa" não existem tecnicamente, como classificação. Eles são os vinhos fortificados. O termo sobremesa ganhou espaço porque esse tipo de exemplar harmoniza bem com sobremesas, justamente pelo caráter adocicado.