Meu Carrinho

Fechar

Principais Uvas Tintas

Dentre as milhares de uvas que existem, há aquelas que mais se destacam na hora de produzir vinhos. Elas têm características únicas que as diferenciam naturalmente, além, claro, da influência das regiões em que são cultivadas. Confira as uvas tintas mais famosas! 

Cabernet Sauvignon

A rainha das uvas tintas é assim chamada por sua popularidade mundo afora. A Cabernet Sauvignon é uma das uvas mais plantadas no mundo. Ela tem pele grossa, com bastante tanino, é intensa, desde a cor até os aromas, com destaque para groselha, ameixa preta, amora, hortelã, pimenta e pimentão.  

Merlot

Considera uma uva que produz vinhos macios e deliciosos, a Merlot é nativa da França e faz sucesso no mundo todo. Ela é parecida em muitos aspectos com a Cabernet Sauvignon, formando, inclusive, blends sensacionais com ela. Em varietais, ela dá vida a vinhos com aromas de frutas e flores vermelhas, além de uvas passas, aspargos e chocolate. 

Malbec

A Malbec é de origem francesa, mas se tornou emblemática na Argentina, onde se adaptou com perfeição. Lá ela produz rótulos de excelência, que conquistam os mais diversos paladares. Os vinhos são encorpados, cheios de personalidade e tonalidade bem forte. Os taninos são agradáveis e os aromas são de frutas vermelhas e violeta, quando jovem, e trufas, quando maduro. 

Syrah

A Syrah (ou Shiraz) é uma tinta francesa que também se adaptou muito bem aos mais diversos terroirs do mundo. Ela é uma das variedades mais antigas que se têm notícias. Com ela são produzidos grandes varietais e assemblages. Eles são estruturados, densos, ricos, aromáticos e com bom potencial de guarda, geralmente.  

Pinot Noir

Conhecida como uma uva nobre, a delicada Pinot Noir é a grande casta da Borgonha. Ela produz vinhos elegantes e marcantes, sendo muito usada na elaboração dos renomados champagnes. A pele da Pinot Noir é fina e com pouco tanino. O cultivo desse tipo de uva é delicado, pois ela é sensível às condições climáticas.

Tempranillo

Outra uva plantada nos quatro cantos do planeta, a Tempranillo vem da Espanha e tem outros nomes quando cultivada em outras regiões. Por exemplo, no Douro, em Portugal, é conhecida como Tinta Roriz e no Alentejo como Aragonês. Ela tem aromas de framboesa e taninos bem marcados. Seus vinhos são leves, frescos, frutados, quando jovens, e mais estruturados e complexos, quando mais velhos. 

Comentários

0 Comentários

Deixe seu Comentário